O Exame Nacional do Ensino Médio, conhecido popularmente como Enem, apresenta muitos desafios, além do domínio de diversos conteúdos escolares. No exame, extenso e cansativo, o aluno deverá resolver 180 questões e produzir uma redação dissertativa argumentativa, em um total de 10 horas e meia de prova. Portanto, o candidato também precisa desenvolver estratégias para se manter calmo, controlar o tempo e alcançar uma ótima pontuação, garantindo uma vaga na instituição de ensino dos seus sonhos.

Conheça o Enem

Segundo o Edital divulgado no Diário Oficial da União, o Enem divide-se em dois dias de prova. O primeiro, realizado no dia 4 de novembro, envolve os conhecimentos da área de Linguagens e Ciências Humanas em 90 questões, e a produção de uma redação, com um total de 5 horas e meia de prova. O segundo dia, marcado para 11 de novembro, envolve 90 questões de Matemática e Ciências da Natureza, com um prazo de 5 horas para serem solucionadas.

Ao todo, o candidato tem uma média de 3 minutos para responder cada pergunta, ou seja, a cada meia hora, deverá ter solucionado cerca de 10 questões. Apesar de parecer impossível, é importante lembrar que existem alguns macetes e dicas que podem ajudar o aluno a controlar o tempo, mantendo-se dentro do prazo estimado e obtendo um bom resultado. Montar uma boa estratégia de prova é um deles. Confira a seguir algumas dicas para te ajudar a se dar bem no Enem.

Conheça o estilo das questões

Uma rotina de estudos organizada e pautada na revisão de todas as disciplinas é muito importante, mas também é essencial intercalar os estudos com exercícios e simulados inspirados no exame. Refaça algumas provas anteriores, mantendo-se atento ao tempo e principalmente ao estilo das questões. O Enem é considerado uma prova sistemática e lógica, com enunciados padronizados e estrutura semelhante nas questões.

Ao exercitar os conhecimentos com os exercícios de edições anteriores, o candidato também começará a ter familiaridade com tal estrutura. A facilidade para reconhecer o objetivo da questão pode ser um ponto positivo, permitindo economia de tempo e dinamismo nas resoluções.

Desenvolva métodos para soluções rápidas

Para Matemática e Ciências da Natureza, leia primeiro a pergunta e depois o enunciado, anotando os números necessários caso exista um cálculo a ser resolvido. Já nas questões de Linguagens e Ciências Humanas, há uma grande quantidade de textos antes da pergunta em si. A dica é a mesma: entenda o que é questionado e depois leia o trecho de apoio, grifando palavras-chave que podem auxiliar caso seja necessário uma releitura pontual.

Vale ressaltar que uma boa rotina de estudos, pautada na resolução de exercícios, pode auxiliar o candidato a identificar quais são suas falhas e quais conteúdos devem ser aprofundados em uma próxima revisão.

Desenvolva uma estratégia de prova

Apesar de ser uma dica muito frequente para otimizar o tempo no exame, não seguir a ordem original das questões da prova pode, sim, ser uma abordagem interessante, desde que feita com uma boa estratégia. Para isso, o contato com a estrutura da prova é essencial, uma vez que o candidato pode entender qual a ordem de disciplinas que funciona melhor para si mesmo, proporcionando melhor rendimento e mais tranquilidade ao longo da prova.

Outra dica interessante é, ao longo dos estudos, priorizar o contato com questões da área de conhecimento com maior peso para o curso e a instituição almejados. O Sisu atribui pesos diferentes às notas obtidas nas disciplinas, valorizando aquelas próximas da área do curso em questão. Por isso, atenção especial para as perguntas que podem influenciar diretamente a sua classificação final. Mas cuidado! O candidato não deve se esquecer ou deixar de lado as demais disciplinas, uma vez que todas são importantes para uma boa colocação.

Use o método “pega-varetas”

Além do preparo, o aluno não deve esquecer o método de pontuação do Enem, conhecido como Teoria de Resposta ao Item (TRI). A avaliação é pautada na coerência pedagógica das respostas do candidato, permitindo que o aluno com um maior número de acertos em questões fáceis ganhe uma pontuação maior quando comparado a um candidato com poucos acertos de questões difíceis - entenda mais sobre o cálculo de pontos no Enem neste post. Portanto, para pontuar mais, o aluno deve, primeiro, dedicar-se à resolução das questões mais simples.

Imaginando de uma maneira figurativa, o Enem é quase como brincar de pega-varetas: primeiro, pegamos as varetas que estão soltas e não precisam de muita estratégia, depois, aquelas que requerem um pouquinho de cuidado e, por fim, pegamos as varetas consideradas difíceis. As questões da prova devem ser interpretadas da mesma maneira.

Alguns professores sugerem que ao fazer a primeira leitura da prova, o candidato já deve solucionar as questões que identifica como fáceis, ou seja, aquelas que não precisam de contas ou utilizam cálculos simples. Marque as questões médias e difíceis. Na segunda leitura da prova, solucione as perguntas consideradas médias e aquelas que requerem cálculos pouco elaborados ou raciocínio lógico. Por fim, deixe as questões mais difíceis por último, já que elas podem atuar como um “bônus” na sua pontuação final.

Use a lógica

Um tempo homogêneo proporciona controle maior da ansiedade e permite um desempenho coerente na prova. Organizando as questões de acordo com seu nível de dificuldade, o candidato possui uma boa margem de tempo para se dedicar aos conteúdos em que têm mais facilidade, usando parte do tempo final de prova para solucionar apenas as questões mais complexas.

Caso não consiga compreender o que é perguntado, considere fazer um chute consciente. Ler o enunciado e as respostas atentamente auxilia a eliminar as alternativas que soam irreais, reduzindo o número de opções e aumentando as chances de ter boa sorte.

Prestar o Exame Nacional do Ensino Médio é, de fato, um desafio. Por isso, estude bastante e encontre maneiras de lidar com a ansiedade, organizando uma estratégia de prova eficiente e que funcione para você! Não se esqueça de revisar os assuntos mais cobrados no Enem e se preparar para saber como mandar bem na redação.

Venha para a Prepara!

Quer garantir um futuro ainda mais brilhante? Conheça os cursos profissionalizantes da Prepara e esteja pronto para o mercado de trabalho!